EUA pede desculpas

EUA pede desculpas

Comitê Olímpico Americano pede desculpas ao Brasil

“Comportamento Inaceitável”. Foi o termo usado pelo Comitê Olímpico dos EUA ao se  desculpar pelo fato ocorrido envolvendo quatro nadadores americanos no Rio de Janeiro-RJ. “Em nome do Comitê Olímpico dos Estados Unidos, pedimos desculpas aos nossos anfitriões no Rio e ao povo do Brasil pelo distúrbio durante o que deveria ser uma celebração da excelência”, diz a nota assinada pelo presidente do comitê, Scott Blackmun.

Os nadadores envolvidos são Ryand Lochte, Gunnar Bentz, Jack Conger e James Feigen e o comitê reconheceu que os quatro cometeram um ato de vandalismo no posto de gasolina e discutiu com os seguranças do local. “O comportamento desses atletas não é aceitável nem representa os valores da equipe americana ou da maioria de seus membros.” O comitê também afirma que vai estudar o caso e “potenciais consequências” quando todos os nadadores retornarem aos EUA.

Rádios online