Oséas Neto é Superintendente Regional de Articulação Política

Oséas Neto é Superintendente Regional de Articulação Política

O Advogado de Estreito, Oséas Neto foi o escolhido pelo governo do Estado para assumir a Superintendência Regional de Articulação Política no município de Porto Franco que abrange os municípios de Feira Nova, São Pedro dos Crentes, Carolina, Estreito, São João do Paraíso, Campestre e Lageado Novo.

Oséas Neto é Advogado, jovem já vem conquistando espaço em sua atuação nos municípios que vem visitando e participando das ações do governo do Estado na região. Com perfil agregador, desde muito cedo mostra maturidade e capacidade, trazendo uma bagagem de ideias novas que vão com certeza trazer novos parâmetros às ações do Governo Flávio Dino nos oito municípios que vem realizando seu trabalho.

A função de Oséas é mostrar as ações do governo do Estado nos municípios abrangidos na regional, com isso, tem a função de abrir diálogo direto entre o governo do Estado e as lideranças políticas e movimentos sociais de cada município.

Além disso, o Superintendente Regional de Articulação Política leva ao governo as reivindicações e projetos que cada região busca desenvolver nos municípios abrangidos.

Ao todo são 31 cidades que abrigarão as Superintendências. Além de Porto Franco, os municípios de Presidente Dutra, Grajaú, Colinas, Chapadinha, Zé Doca, São Raimundo das Mangabeiras, Itapecuru, Rosário, Governador Nunes Freire, São Bernardo, Dom Pedro, Carutapera, Cururupu, Bacabal, Pedreiras, Timon, Pinheiro, Santa Inês, São João dos Patos, Imperatriz, Açailândia, Codó, Miranda do Norte, Balsas, Barra do Corda, Lago do Pedra, Viana, Barreirinhas e Caxias também serão sedes.

As Superintendências Regionais de Articulação Política do Maranhão são órgãos públicos, vinculadas à Secap (Secretaria de Comunicação Social e Assuntos Políticos) que tem como Secretario Marcio Jerry, e instaladas em municípios escolhidos com base em parâmetros e indicadores socioeconômicos. As unidades formadas foram escolhidas pela agregação de municípios que possuem características ambientais, vocações produtivas, relações socioeconômicas e culturais semelhantes ou estabelecidas entre as cidades.

O governo do Estado, tem buscado cada vez mais fortalecer as Superintendências Regionais através de encontros, reuniões, capacitação e treinamentos na intenção de consolidar Ações no Estado.

A organização das Superintendências Regionais do Maranhão é uma iniciativa do governo Flávio Dino com o intuito de dar suporte às ações, programas e atividades governamentais em 31 regiões do Estado e acompanhar a execução das políticas públicas, fortalecendo a participação popular no processo de monitoramento e controle social, além de articular e mobilizar o poder público e a sociedade civil local em torno da agenda governamental.

“Com esse modelo vamos ter uma atuação mais célere e de qualidade em todas as regiões do Maranhão. Temos um estado muito grande, são 330 mil quilômetros quadrados, 217 municípios. Por mais que eu e toda a equipe trabalhemos muito, precisamos garantir uma presença mais efetiva em todo o território, por isso a presença dos superintendentes nessas regionais é fundamental”, destacou o governador Flávio Dino.

“As superintendências integram uma estratégia de governança democrática, participativa e mobilizadora, portanto, tem um papel fundamental para que as políticas públicas cheguem a cada município do estado do Maranhão, sejam monitoradas, fiscalizadas, aperfeiçoadas a cada instante, de modo que esse é um momento muito importante para o Governo do Estado”, explicou o titular da Seap, Márcio Jerry.

 

Rádios online