REPATRIAÇÃO – MARANHÃO E TOCANTINS DEVEM RECEBER MILHÕES

REPATRIAÇÃO – MARANHÃO E TOCANTINS DEVEM RECEBER MILHÕES

Os Estados do Maranhão e Tocantins devem receber em breve recursos provenientes da Lei da Repatriação. A verba deve ser paga em duas parcelas, a primeira na próxima quinta-feira (10); a segunda no dia 20.

O cálculo para a distribuição dos recursos é feito de acordo com o Fundo de Participação dos Municípios, ou seja, os maiores municípios receberão valores maiores.

No Tocantins, as cidades que devem receber o maior valor de recursos são a capital Palmas com R$ 15.528.813,56; seguida de Araguaína, R$ 4.282.702,23; Gurupi, R$ 1.787.498,90; Porto Nacional, R$ 1.404.463,42 e Paraíso, R$ 1.276.784,93.

Aguiarnópolis, Angico, Darcinópolis, Luzinópolis, Nazaré, Palmeiras e Santa Terezinha receberão R$ 383.035,48. Araguatins R$1.021.427.94; Augustinópolis R$766.070,96 e Babaçulândia com R$ 510.713,97.

No Maranhão

Açailândia recebera R$ 2.288.083.47

Balsas R$ 2.145.078,26

Barra do Corda R$ 2.002.073,04

Campestre R$ 715.026,09

Carolina R$ R$ 1.001.036,52

Grajaú R$ 1.716.062,60

Imperatriz R$ 5.561.873,67

Porto Franco R$ 858.031,30

Riachão R$ 858.031,30

São João do Paraíso R$ 572.020,87

São Pedro dos Crentes R$ 429.015,65

Estreito deve recebe a quantia de R$1.287.046,95.

Rádios online