Ribinha Cunha participa de sabatinas com estudantes de níveis médio e superior

Ribinha Cunha participa de sabatinas com estudantes de níveis médio e superior

  Além das reuniões corporativas e visitas aos bairros, nos últimos dias a agenda do candidato a prefeito Ribinha Cunha tem sido pontuada pela participação do público jovem. Estudantes de duas escolas de nível médio e de uma faculdade, ambas da rede privada, participaram, no último dia 31, de sabatina com o candidato. Na oportunidade, perguntas foram feitas para sanar dúvidas e cobrar ações futuras.

Um espaço para exposição de propostas, para a gestão dos próximos quatro anos, foi dado antes da sessão de perguntas e respostas. Em sua fala, Ribinha fez breve análise do cenário atual, enfatizou avanços já alcançados e também os desafios que se apresentam a Imperatriz.

“Nossa cidade hoje está mais organizada, atrativa e com economia otimista. Mas é necessário estabelecer prioridades diante das demandas mais urgentes. Na infraestrutura nossa cidade precisa de mais atenção nos bairros; lutar pelo reconhecimento de Imperatriz como polo macrorregional em saúde para atender à demanda de mais de 100 municípios que buscam atendimento aqui; na educação, dar continuidade ao processo de climatização das escolas e estabelecer política de valorização profissional aos professores da rede municipal”, exemplificou ao citar três áreas prioritárias.

Perfil empreendedor – Ao ser questionado pelos estudantes sobre medidas para fomentar a geração de novos postos de trabalho, Ribinha citou a proposta de seu programa eleitoral, que, numa visão empreendedora, tem mostrado novas fronteiras de investimento na economia local.

“Viajamos por seis cidades das regiões Norte e Nordeste para conhecer de perto experiências de sucesso em diferentes ramos da economia, que tornaram esses locais referências nacionais. Cidades do semiárido que cultivam e exportam frutas; pequenas fábricas, muitas delas montadas dentro das próprias casas, que produzem mais de mil peças de roupas por dia e distribuem para todo o país; beneficiamento de couro para a indústria de sapatos, etc. Nossa cidade tem todos os requisitos para a produção nesses setores. Com política de incentivos para a atração de novos empreendimentos e apoio ao pequeno empreendedor, Imperatriz pode ser o novo polo industrial dessa parte do Brasil.

 (Da Assessoria)

Rádios online